Uma Superbolha Estrelada

Esta área do céu com um brilho suave é na verdade uma bolha quente de gás hidrogênio — chamada Sh 2-305 — que foi bombardeada por intensa radiação emitida por estrelas próximas. Essas nuvens de gás são conhecidas como nebulosas de emissão ou regiões HII (pronuncia-se “H-dois”). A radiação emitida se situa na região ultravioleta do espectro eletromagnético e acredita-se que emane de pelo menos duas estrelas do tipo O, o que corresponde às estrelas mais brilhantes e quentes que conhecemos — tais objetos podem ter até 90 vezes a massa do Sol e brilharem um milhão de vezes mais intensamente do que a nossa estrela.

Juntamente com cinco bolhas vizinhas, a Sh 2-305 pertence a um complexo gigantesco de nuvens densas de gás e poeira e, a uma escala maior, a um anel enorme chamado superconcha de formação estelar GS234-02 (situado no braço da constelação de Perseus).

Esta imagem foi obtida no âmbito do programa Joias Cósmicas do ESO, uma iniciativa que visa produzir imagens de objetos interessantes, intrigantes ou visualmente atrativos, utilizando os telescópios do ESO, para efeitos de educação e divulgação científica. O programa utiliza tempo de telescópio que não pode ser usado em observações científicas. Todos os dados coletados também podem ser adequados para fins científicos e são disponibilizados aos astrônomos por meio do arquivo científico do ESO.

Crédito:

ESO

Fonte:

https://www.eso.org/public/brazil/images/potw2113a/

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.