Uma Bacia ou Apenas Uma Grande Cratera? Os Mistérios da Região de Bailly na Lua

Você já observou a região de Bailly na Lua? Essa feição é uma grande cratera localizada no limbo oeste da Lua. Ela não é muito profunda, talvez isso mude com as medidas modernas, e por isso seu interior original aparece no mínimo parcialmente preenchido, possivelmente com material ejetado da Orientale. Não existem evidência para a existência de um pico central, mas isso não seria incomum pois com seus 290 quilômetros de diâmetro a Bailly é grande o suficiente para ser uma bacia com anel duplo. Astrônomos amadores observam essa região a mais de 40 anos, e grandes imagens de outros astrônomos, bem como os novos dados obtidos pela sonda LRO, em seu mosaico global, continuam a fornecer pistas sobre um putativo anel interno. A imagem (abaixo) mostra muito bem uma corrente de crateras Orientale cruzando o interior da Bailly, e uma cadeia associada com essas crateras é bem visível na imagem acima como uma corrente de crateras no anel da cratera. Enquanto que a parte terminal está próxima do limbo oeste, vamos nos concentrar observando o anel interno.


Fonte:

http://lpod.wikispaces.com/January+20,+2011

 

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.