Solstício Vermelho

Apesar das opiniões em muitos meios de comunicação terem falado sobre a raridade de eclipses lunares, eles não são raros, vamos aos fatos. Com base nos dados da página de eclipses da NASA de Fred Espenak, por mais de 5000 anos, ocorrem em média 2.4 eclipses da Lua por ano, sendo que a ocorrência de eclipses totais é em média ocorrem a cada 1.4 anos. Eclipses lunares que acontecem em um determinado dia específico acontecem a cada 365 eclipses, ou para eclipses totais (que são 29% de todos os eclipses que acontecem), a repetição de um eclipse em um mesmo dia acontece a cada 1300 eclipses, ou a cada 543 anos. Dessa forma, eclipses lunares que acontecem no dia 21 de Dezembro, ou seja no solstício de verão para o hemisfério sul e de inverno para o hemisfério norte, são bem incomuns, de modo que devem acontecer na vida de uma pessoa uma vez só durante a sua existência, isso se ela tiver sorte. Alguns meios de comunicação chegaram a cogitar que a ocorrência de um eclipse total da Lua durante uma Lua cheia era algo especial. Esperamos esclarecer aqui alguns desses pontos, e esperamos também mais tarde mostrar uma galeria completa de imagens desse último eclipse de 2010.

Fonte:

http://lpod.wikispaces.com/December+22,+2010

 

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo