Quão Grande é a Galáxia de Andrômeda?

Por: Ned Oliveira
Os astrônomos acreditavam que a galáxia Andrômeda, nossa vizinha galáctica mais próxima, era três vezes o tamanho da Via Láctea.
Tanto a Via Láctea como a galáxia Andrômeda (M31) são galáxias espirais gigantes em nosso grupo local.
Em cerca de 4 bilhões de anos, a Via Láctea e Andrômeda entrarão em colisão.
Como os astrônomos pensavam anteriormente que Andrômeda era até três vezes maior que a Via Láctea, eles esperavam que nossa galáxia fosse facilmente dominada e absorvida por nossa vizinha maior.
Mas agora, uma nova pesquisa sugere que superamos nosso oponente.
Um estudo publicado na Royal Astronomical Society, uma equipe de astrônomos australianos anunciou que a Andrômeda não é realmente o peso pesado que pensávamos ser.
Em vez disso, eles descobriram que nossa vizinha galáctica mais próxima é mais ou menos o mesmo tamanho da Via Láctea, cerca de 800 bilhões de vezes a massa do Sol.
Para determinar o tamanho da galáxia de Andrômeda, a equipe usou uma técnica que calcula a velocidade necessária para uma estrela em movimento rápido usa para escapar da atração gravitacional de sua galáxia hospedeira.
Essa velocidade requerida necessária para a ejeção é conhecida como velocidade de escape de um objeto.
Esta não é a primeira vez que a massa de uma galáxia foi recalculada com base na análise das velocidades de escape dos objetos dentro dela.
Em 2014, Kafle usou uma técnica semelhante para revisar a massa da Via Láctea, mostrando que a nossa galáxia tem menos matéria escura, do que se pensava anteriormente.
Em cerca de 4 a 5 bilhões de anos, a galáxia de Andrômeda se fundirá com a nossa galáxia, a Via Láctea.
Tal como o estudo da Via Láctea em 2014, o artigo sugere que pesquisas anteriores superestimaram a quantidade de matéria escura presente na galáxia de Andrômeda.
“Ao examinar as órbitas das estrelas de alta velocidade, descobrimos que Andrômeda tem muito menos matéria escura do que se pensava anteriormente”, disse Kafle, “e apenas um terço disso descoberto em observações anteriores”.
Os pesquisadores dizem que novas simulações são necessárias para determinar exatamente o que acontecerá quando as galáxias se encontrarem.
Mas, não importa o que aconteça em 4 bilhões de anos, Kafle diz que a nova descoberta “transforma completamente nossa compreensão do grupo local”.
Por enquanto, no entanto, com o novo conhecimento sabemos que a Via Láctea não será tão dominada por Andrômeda como pensamos anteriormente.
A imagem da galáxia de Andrômeda, capturada pelo Galaxy Evolution Explorer da NASA, mostra o lado ultravioleta da galáxia.
Créditos da imagem: NASA / JPL-Caltech
Fonte:
http://www.astronomy.com/news/magazine/2018/02/adromeda-is-the-same-size-as-the-milky-way
Vídeo no canal:

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.