O Estreito de Magalhães Visto do Espaço

A figura acima é um imagem composta dos radares do ALOS como observado em Dezembro de 2008 e Janeiro de 2009. A ilha do Fuego (Isla Grande de Tierra del ), com uma área de 48000 quilômetros quadrados, está localizada na ponta sul da Patagônia na América do Sul. O estreito de Magalhães separa a Tierra del Fuego do continente Sul Americano e conecta os oceanos Atlântico e Pacífico. Dois homens são famosos por suas explorações no sul da América do Sul: Fernão de Magalhães, que viajou da Espanha em busca da rota oeste para o sudeste da Ásia e Charles Darwin autor do livro Origem das Espécies. Magalhães descobriu esse estreito na parte mais ao sul da América do sul em Outubro de 1520, e até que o Canal do Panamá fosse aberto ao tráfego em 1914, o estreito era a passagem natural mais importante para os navios que precisavam cruzar do Oceano Atlântico para o Pacífico. Contudo ela era uma rota difícil de se navegar devido as rápidas correntes, as rochas escondidas, e ao clima imprevisível, devido a isso alguns navios pegavam a rota leste cruzando o Cabo da Boa Esperança na África do Sul. O jovem naturalista Charles Darwin visitou a área a bordo do navio de pesquisa H.M.S. Beagle da Marinha Real, uma viagem que durou no mínimo 5 anos. Darwin gastou a maior parte do seu tempo na Tierra del Fuego e na região ao redor investigando a geologia local e coletando dados sobre história natural. Punta Arenas, a maior cidade da Patagônia, está localizada no meio da figura acima, ao longo do Estreito de Magalhães a partir da boca do Oceano Atlântico. Outro canal, que separa a Tierra del Fuego da Isla Navarino e da Isla Hoste é visível no canto inferior direito da figura acima. Esse canal, chamado de Canal Beagle, tem 240 km de comprimento e foi denominado em homenagem a expedição do Beagle na região.

Essa outra figura acima, mostra o Estreito de Magalhães perto de Punta Arenas, como observado pelo ALOS em Abril de 2009. Uma parte da Tierra del Fuego é vista na parte direita da imagem. A cidade de Punta Arenas prosperou muito com a descoberta do estreito, porém, quando o Canal do Panamá foi aberto ela se tornou uma cidade tranquila. Um monumento em homenagem a Fernão de Magalhães foi construído no centro da cidade. O Museu Regional de Magalhães próximo a Plaza lembra todos os dias de prosperidade da cidade. A figura ainda revela que a maior parte das áreas de terra são florestas ou praias, carneiros são criados nos subúrbios fazendo dessa região famosa mundialmente pela produção de lã.

Essa última figura acima mostra a vizinhança de Ushuaia na costa sul da Tierra del Fuego, como observado pelo ALOS em Janeiro de 2008. As áreas brancas estão cobertas de neve, geleiras ou nuvens. Ushuaia é conhecida como a cidade mais ao sul do planeta Terra. O Museu do Fim do Mundo destaca quadros que mostram a vida e a cultura das quatro tribos que uma vez moraram na Tierra del Fuego bem como muitos pássaros que ali viviam.

Fonte:

http://www.eorc.jaxa.jp/en/imgdata/topics/2010/tp101221.html?utm_source=feedburner&utm_medium=twitter&utm_campaign=Feed:+jaxa/new_e+(JAXA+Web+What’s+New)

 

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo