fbpx
17 de setembro de 2021

O Eclipse Total da Super Lua de 27 de Setembro de 2015

Nessa noite, do dia 27 de Setembro de 2015, a Lua irá entrar no cone de sombra da Terra e se tudo correr como esperado deve adquirir uma coloração avermelhada. A Lua dessa noite, será particularmente brilhante, pois ela alcançará sua fase cheia quando estiver relativamente mais próxima da Terra na sua órbita elíptica ao redor do nosso planeta. De fato, por algumas medidas de tamanho e brilho, a Lua Cheia dessa noite é designada como sendo uma Super Lua, embora, o adjetivo Super, seja exagerado, pois a Lua estará somente 14% e cerca de 30% mais brilhante do que a Lua Cheia em média. Contudo, a nossa Lua irá se apagar obtendo uma tonalidade avermelhada pois estará totalmente mergulhada na sombra da Terra. A coloração avermelhada resulta do fato da luz solar azul ser mais fortemente espalhada pela atmosfera da Terra, enquanto a luz vermelha é refratada e atinge a Lua eclipsada. A Lua dessa noite pode também ser chamada de Lua da Colheita (Harvest Moon), já que é a Lua Cheia que ocorre mais próxima do equinócio de Setembro, uma época marcada pela colheita das plantações no hemisfério norte da Terra. Eclipses totais com Super Lua são fenômenos relativamente raros (dependendo do critério que você utiliza), de acordo com alguns critérios o último eclipse com Super Lua aconteceu em 1982 e o próximo será em 2033. O eclipse total da Super Lua nessa noite levará um pouco mais de uma hora com a Lua na totalidade e será visível do leste da América do Norte depois do pôr-do-Sol, na América do Sul no meio da noite e no oeste da Europa antes do nascer do Sol. No Brasil o eclipse será visível em todo o território. No vídeo acima, do canal Space Today TV explico todos os detalhes desse que é por muitos considerado o fenômeno astronômico do ano de 2015.

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/ap150927.html

alma_modificado_rodape1051

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo