O Coração da Via Láctea

Existem muitas coisas para serem amadas na astronomia, e o fotógrafo Julien Girard oferece um exemplo nessa bela imagem. Na imagem acima pode-se ver um brilhante desenho de coração flutuando contra o fundo do céu noturno do Observatório do Paranal do ESO no norte do Chile. Girad desenhou o coração no ar usando uma pequena lanterna e fazendo os movimentos em frente ao campo de visão da câmera numa foto com exposição de 25 segundos.

A região central da Via Láctea aparece no meio do coração, enquanto que o plano da nossa galáxia se estica através da imagem. As estrelas da constelação da Corona Australis (A Coroa do Sul) forma um arco de joias cintilantes no topo do lobo esquerdo do coração. O brilho difuso à esquerda do ponto mais baixo do coração é a luz zodiacal, causada pela dispersão da luz do Sol na poeira do Sistema Solar.

Mais à direita no horizonte, as instalações do telescópio de 8.2 metros do Very Large Telescope, o VLT do ESO levanta a sua silhueta no topo do Cerro Paranal. As luzes dos carros passando pela plataforma do observatório podem ser vistas à esquerda dos telescópios.

Julien Girard é um astrônomo baseado no Chile, e que trabalha no VLT. Ele é cientista de instrumentos para o instrumento de óptica adaptativa NACO no Unit Telescope 4 do VLT. Ele enviou essa foto para o grupo Your ESO Pictures Flickr (http://www.flickr.com/groups/youresopictures/) e de onde a foto foi escolhida para ser destaque no site principal do ESO na internet.

Fonte:

http://www.eso.org/public/images/potw1207a/

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.