O Assoalho Coberto de Lava de Uma Cratera no Equador de Mercúrio

Assoalhos suaves são normalmente observados nas crateras de impacto de Mercúrio e são resultado do material derretido por impacto que fluiu para o interior da cratera. Contudo, a cratera sem nome, localizada no equador de Mercúiro é muito mais rasa de modo que ela foi preenchida mais substancialmente com material suave de planícies do que o esperado para esse tipo de feição. A explicação mais provável aqui é que ela em algum ponto da sua formação foi preenchida por lava, algo similar ao que pode ser visto dentro de muitas outras grandes crateras espalhadas pelo planeta. Uma questão chave que os cientistas da MESSENGER estão investigando agora é se a atividade vulcânica produziu a lava que quebrou as paredes da cratera e então fluiu para o seu interior, ou se a atividade ocorrida no próprio interior da cratera foi responsável por isso.

Fonte:

http://messenger.jhuapl.edu/gallery/sciencePhotos/image.php?page=1&gallery_id=2&image_id=866

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.