O Aglomerado Estelar M35

Todos nós sabemos que é difícil resistir a uma promoção de vendas, principalmente quando é do tipo pague um e leve dois, e isso é exatamente o que acontece com essa imagem. O aglomerado M35 localiza-se a 2.3? a noroeste da estrela de magnitude 3.3 Eta Geminorum. Se você estiver num lugar escuro o suficiente você irá conseguir observar o aglomerado facilmente a olho nu. Contudo, ao apontar um telescópio para o M35, não só você verá o aglomerado explodindo em estrelas mas também irá conseguir observar um segundo aglomerado, o NGC 2158 de magnitude 8.6. Philippe Loys de Chéseaux descobriu esse aglomerado no final de 1745 ou no começo de 1746. O astrônomo inglês John Bevis também o encontrou antes de 1750, o ano que ele apresentou esse objeto em seu atlas estelar, chamado de Uranographia Britannica. Messier, que o adicionou ao seu catálogo em 30 de Agosto de 1764, creditou a Bevis, a descoberta. A imagem acima foi feita através de um telescópio de 4 polegadas, Vixen Optics ED103S refrator apocromático com William Optics Flat 2.0.8x FR/FF, com uma câmera Canon EOS 1000D DSLR, ISO 800, para chegar a esse resultado final foram feitas 35 exposições de 2 minutos.

Fonte:

http://www.astronomy.com/en/Multimedia/Picture%20of%20Day.aspx

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.