fbpx

O Aglomerado de Galáxias Hydra

Duas estrelas dentro da nossa Via Láctea se destacam no primeiro plano desse registro cósmico. Além delas estão localizadas as galáxias do Aglomerado da Hydra. De fato, enquanto que as estrelas marcantes de primeiro plano estão a centenas de anos-luz de distância, o aglomerados de galáxias da Hydra está localizado a mais de 100 milhões de anos-luz de distância da Terra. Três grandes galáxias perto do centro do aglomerado, duas elípticas amarelas (NGC 3311, NGC 3309) e uma proeminente galáxia espiral azul (NGC 3312) são as galáxias dominantes nessa imagem, cada uma delas com aproximadamente 150000 anos-luz de diâmetro. Um intrigante par de galáxias sobrepostas catalogado como NGC 3314 pode ser visto logo acima e a esquerda da NGC 3312. Também conhecido como Abell 1060, o aglomerado de galáxias Hydra é um dos três grandes aglomerados de galáxias localizados num raio de 200 milhões de anos-luz da Via Láctea. No chamado universo próximo, as galáxias estão gravitacionalmente ligadas em aglomerados que por sua vez se ligam nos chamados superaglomerados que por sua vez são vistos se alinhando em escalas maiores ainda. Considerando a distância de 100 milhões de anos-luz essa imagem mostra um sistema com 1.3 milhões de anos-luz de diâmetro.

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/ap120512.html

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .