fbpx

Na Sombra de Saturno


Esperava-se que quando alguma sonda navega-se pela sombra de Saturno nada de tão surpreendente pudesse ser visto. Porém, a sonda Cassini provou que as expectativas estavam erradas quando ela flutuou pelas sombras do planeta gigante por 12 horas em 2006 e resolveu olhar para traz para ver o Sol eclipsado. Assim a Cassini conseguiu ver algo muito diferente que ninguém tinha visto até então. Primeiro, o lado noturno de Saturno é visto parcialmente iluminado pela luz refletida pelo seu próprio sistema de anéis. Além disso, os anéis por si só aparecem escuros e possuem suas silhuetas projetadas contra Saturno, mas quando observados de uma certa distância de Saturno eles aparecem brilhante, dispersando um pouco de luz do Sol, como é mostrado nessa imagem que possui as cores exageradas. Os anéis de Saturno possuem um brilho tão intenso que com essa imagem foi possível descobrir novos anéis, embora eles sejam difíceis de serem observados nessa imagem, mas na imagem podem ser vistos e estão marcados por uma pequena cruz. Com detalhe espetacular nessa imagem pode-se ver o Anel E de Saturno, o anel criado pelas fontes de gelo da lua Encélado e que é o anel mais externo observado acima. Distante de tudo isso, à esquerda, acima dos anéis principais brilhantes, está um ponto praticamente ignorado, o pálido ponto da Terra.

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/ap110904.html


Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .