Meteoros Geminidas Cruzam o Céu Acima do Observatório de Kitt Peak

Dois grandes domos de telescópios estão de pé em primeiro plano nessa paisagem do céu noturno direto do Kitt Peak National Observatory, próximo a Tucson no Arizona, EUA. Essa impressionante cena foi registrada no começo da manhã de terça-feira, dia 14 de Dezembro de 2010, na hora bem próxima ao pico da Chuva de Meteoros dos Geminidas. Com o domo  aberto, o prédio mais próximo é o lar do Telescópio Bok de 2.3 metros operado pelo Steward Observatory da University of Arizona. Atrás do Telescópio Bok está o domo do Telescópio Mayall de 4 metros. Claro que não é necessário nenhum telescópio para se poder apreciar os meteoros riscando o céu. A imagem, aqui reproduzida,  é na verdade uma composição de 13 exposições de 15 segundos cada uma feita com uma câmera de ângulo amplo por um período de aproximadamente 2 horas durante uma noite clara e quente no Kitt Peak. Essa chuva de meteoros que é um evento anual, acontece pois a Terra passa através da poeira deixada para trás pelo misterioso objeto que parece um asteroide chamado de 3200 Phaethon.

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/ap101216.html

 

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo