Manchas Solares ao Pôr-do-Sol

Sunspot-06July2013-johunter

observatory_150105Raios avermelhados do Sol que está se pondo inundam os céus sobre o Lago Cedar Creek a sudeste de Dallas, no Texas, no dia 6 de Julho de 2013. E enquanto o pôr-do-Sol possa ser considerado o principal evento celeste, nesse caso ele veio com uma dose extra de beleza. Uma mancha solar, tão grande que pode ser visível a olho nu foi registrada nessa serena visão do pôr-do-Sol perto do centro do disco solar, apagada e distorcida pela densa atmosfera da Terra. Imagens telescópicas revelaram que a mancha na verdade é uma complexa região ativa do Sol compostas de várias manchas, algumas maiores que o próprio planeta Terra.

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/ap130713.html

 

alma_modificado_rodape105

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo