fbpx

Luzes Apagadas no Centro da Via Láctea

Um sorriso sinistro aparece em meio a um mar de estrelas nesta nova imagem — uma pequena parte de um gigantesco mosaico colorido de vários gigapixels do coração da Via Láctea. Composto por milhares de imagens extremamente detalhadas obtidas pelo telescópio VISTA do ESO (Visible and Infrared Survey Telescope for Astronomy), o mosaico revela mais estrelas no coração da Via Láctea do que as observadas até hoje.

O VISTA foi escolhido para esta observação devido à sua câmera infravermelha extremamente sensível, que pode observar através da maior parte da poeira que bloqueia a nossa visão em direção ao centro galático. O que vemos nesta imagem é uma densa região de gás e poeira — uma nebulosa — que mesmo a câmera do VISTA não consegue atravessar. Situada perto da Nebulosa da Lagoa (a qual não aparece nesta imagem), esta região parece piscar o olho à medida que bloqueia a luz emitida por estrelas de fundo.

A imagem completa contém quase 9 bilhões de pixels e faz parte do rastreio VVV (Vista Variables in the Via Lactea), projeto que pretende obter imagens do bojo e disco da Via Láctea nos comprimentos de onda do infravermelho próximo. Para criar este mosaico colorido, foram combinadas imagens em três comprimentos de onda diferentes. A imagem completa pode ser explorada online a partir deste link.

Crédito:

ESO/VVV Survey/D. Minniti
Acknowledgement: Ignacio Toledo

Fonte:

https://www.eso.org/public/brazil/images/potw1818a/

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .