fbpx

Impressionante Redemoinho de Poeira em Marte

Era final da primavera no hemisfério norte de Marte quando a câmera HiRISE que viaja ao redor do Planeta Vermelho a bordo da sonda Mars Reconnaissance Orbiter, ou para os íntimos, MRO, espiou esse elo fenômeno no solo de Marte. Com uma trajetória de sul e leste (abaixo e a direita) varrendo  a região coberta de poeira de Amazonis Planitia, o centro desse redemoinho de poeira mostrado acima tem aproximadamente 30 metros de diâmetro. Levantando poeira na atmosfera marciana, sua pluma alcança mais de 800 metros acima da superfície. Não seguindo a passagem do redemoinho de poeira, a pluma é soprada na direção leste por uma brisa. Comuns nessa região, os redemoinhos de poeira ocorrem à medida que a superfície é aquecida pelo Sol, gerando correntes ascendentes de ar quente que começam a fazer um movimento de rotação. Ventos tangenciais com velocidades superiores a 110 km/h já foram relatados em outros redemoinhos de poeira registrados pela HiRISE.

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/ap120413.html

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .