fbpx

Hubble Faz Imagem de Um frEGGs Um Novo Tipo de Berçário Estelar

As galáxias são conhecidas como sendo o local onde estrelas e planetas nascem graças à grande quantidade de gás e poeira que existe dentro delas. Com o tempo, o gás esfria e acaba se aglutinando em nuvens moleculares o que leva a geração de regiões de formação de estrelas.

Essa imagem feita pelo Telescópio Espacial Hubble da NASA e da ESA mostra uma nova classe de berçário estelar, conhecido como Glóbulos Gasosos de Evaporação Livre, ou algo assim, o nome em inglês é Free-floating Evaporating Gaseous Globules, ou frEGGs. Esse objeto, conhecido como J025027.7+600849, está localizado na constelação de Cassiopeia.

Quando uma estrela massiva nova, ou várias estrelas, começam a brilhar enquanto ainda estão dentro de suas nuvens moleculares frias, onde foram formadas, a sua radiação pode ionizar o hidrogênio da nuvem e criar uma grande e quente bolha de gás ionizado. E é dentro dessa bolha de gás quente, ao redor de uma estrela massiva próxima que esses glóbulos gasosos estão localizados, eles são glóbulos compactos e escuros de poeira e gás, alguns dos quais dão também origem a estrelas de pouca massa. A fronteira entre os frEGGs empoeirados e frios e a bolha de gás quente é vista na imagem com um belo brilho roxo-azulado.

Aprender mais sobre esses estranho objetos pode ajudar os astrônomos a entenderem sobre como estrelas parecidas com o Sol se formam sob influências externas. De fato, o nosso Sol pode ter até nascido em um frEGGs.

Crédito: ESA/Hubble & NASA, R. Sahai

Fonte:

https://www.spacetelescope.org/images/potw2028a/

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .