fbpx

HiRISE Registra as Dunas Espetaculares da Cratera Richardson em Marte


A cratera Richardson, em Marte, é bem conhecida entre os cientistas que estudam Marte pelo fato de possuir espetaculares dunas.

Essas dunas estão localizadas aproximadamente nas coordenadas de -72 graus em latitude, se fosse na Terra, elas estariam bem ao sul do círculo polar Antártico. Devido ao seu posicionamento extremo no sul do planeta, essas dunas enfrentam dramáticas mudanças de temperatura ao longo do ano marciano. A equipe da HiRISE tenta monitorar essa área enquanto que as dunas são cobertas por um gelo sazonal no outono, gelo esse que é descongelado durante a primavera em Marte. Assim os cientistas fazem inúmeras imagens sobre os mesmos locais com a finalidade de entender melhor a estrutura e a evolução dessas belas feições.

Essa imagem foi feita perto do equinócio de outono no hemisfério sul de Marte, num período equivalente ao final do verão e início do outono. Diferente do que é observado na Terra, o gelo observado na cratera Richardson em Marte é composto de dióxido de carbono, e ele sublima, ou seja, passa do estado sólido diretamente para o estado gasoso, sem descongelar, que é o que acontece com o gelo na Terra. No momento em que essa imagem foi feita, o gelo havia provavelmente desaparecido em sua grande maioria e irá a começar a acumular novamente em breve.

Listras escuras e largas, são visíveis se estendendo a partir das cristas das dunas, provavelmente devido ao movimento de material enquanto as dunas descongelam ou devido ao transporte pelo vento de partículas na superfície. Numerosas poeiras fantasmas são ainda visíveis como marcas finas, escuras e cruzadas, embora, aos poucos elas serão cobertas pelo dióxido de carbono à medida que o inverno tomar conta do hemisfério sul de Marte.

Para poder comparar o que acontece em Marte, a imagem abaixo mostra a mesma região no começo da primavera no hemisfério sul de Marte.

A coleção de imagens abaixo mostram outras formações de dunas impressionantes de vários outros locais dentro da cratera Richardson, em Marte.

Fonte:

http://hirise.lpl.arizona.edu/ESP_023956_1075


Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .