fbpx

Grandes Dúvidas Sobre As Teorias de Formação de Estrelas – Space Today TV Ep.1237

Não se esqueça de visitar a loja oficial do Space Today, a Space Today Store:

https://www2.spacetodaystore.com

Dentro dos berçários estelares, as massivas nuvens de poeira e gás começam a se colapsar e a se aglutinar sob a influência da gravidade.

É isso de forma bem básica que cria os núcleos de formação de estrelas.

Dentro desses núcleos, o material começa então a colapsar, aquecer até que o processo de fusão nuclear tenha seu início e assim temos uma estrela.

Através de observações, tem se mostrado que existe uma relação entre a massa dos núcleos de formação de estrelas e a massa das estrelas.

Além disso, os astrônomos conseguem observar poucas estrelas mais massivas que o Sol, estrelas parecidas com o Sol são mais abundantes e estrelas menos massivas são menos comuns.

Isso é uma regra aplicada na Via Láctea. Mas será que essa regra pode ser aplicada a todo o universo?

Então para tentar responder a essa pergunta, um grupo de astrônomos resolveu observar com o ALMA um desses berçários estelares, conhecido como W43-MM1, localizado a aproximadamente 18000 anos-luz de distância da Terra.

Nesse aglomerado, os astrônomos encontraram estrelas que iam desde uma massa parecida com o Sol até estrelas 100 vezes mais massivas que o Sol.

E eles descobriram que:

A distribuição dos núcleos de formação de estrelas era completamente do que eles tinham previstos com base nas observações de regiões próximas da Via Láctea.

Eles observaram uma abundância de estrelas extremamente grandes, com massas enormes, mas menos estrelas menores que são as mais comuns dentro da galáxia.

E agora josé?

Agora o processo de formação de estrelas, a relação de massa com o núcleo de formação, o processo de evolução estelar, tudo precisa ser revisto, além é lógico de observarem outros berçarios para adquirirem mais estatística.

Já existe o plano de estudarem outros 15 berçários estelares similares ao W43-MM1.

Como eu falo sempre, quando você acha que já sabe tudo, vem o universo e te aplica aquela rasteira.

Fonte:

http://www.sci-news.com/astronomy/westerhout-43-star-formation-05962.html

https://www.padrim.com.br/spacetoday

Seja meu Patrão:

http://www.patreon.com/spacetoday

=====================================================

Seja um apoiador do Space Today:

https://apoia.se/spacetoday

=====================================================

Conheça a Agência Marcos Pontes e torne o seu sonho de conhecer o ESO em realidade:

http://www.agenciamarcospontes.com.br

http://www.agenciamarcospontes.com.br/visita-observatorios-telescopios-eso-atacama-viagem.php

=====================================================

Seja meu Patrão:

http://www.patreon.com/spacetoday

=====================================================

Apoio e apresentação:

http://deviante.com.br

A nova casa do SciCast

=====================================================

Science Vlogs Brasil:

https://www.youtube.com/channel/UCqiD87j08pe5NYPZ-ncZw2w/featured

http://scienceblogs.com.br/sciencevlogs/

https://www.youtube.com/channel/UCqiD87j08pe5NYPZ-ncZw2w/channels?view=60

=====================================================

Meus contatos:

BLOG: https://spacetoday.com.br

FACEBOOK: http://www.facebook.com/spacetoday

TWITTER: http://twitter.com/spacetoday

YOUTUBE: http://www.youtube.com/spacetodaytv

Obrigado pela audiência e boa diversão!!!

=====================================================

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .