Galáxias Dançantes – Arp 271

As galáxias NGC 5426 e a NGC 5427 são espirais de tamanho similar e que estão atualmente dançando juntas no universo. Não é certo que essa interação entre as galáxias irá terminar em uma colisão e finalmente em uma fusão entre as duas, embora as galáxias já estejam bastante afetadas com a proximidade. Juntas elas são conhecidas como Arp 271, e estão dançando assim pelo menos nos últimos dez milhões de anos, como conseqüência disso existe a criação novas estrelas que nada mais é que o resultado da atração gravitacional mútua entre as galáxias, o efeito dessa força pode ser visto na ponte de estrelas que conecta essas duas ilhas cósmicas.

Localizado a 90 milhões de anos-luz de distância da Terra na direção da constelação de Virgem o conjunto Arp 271 tem aproximadamente 130 000 anos-luz de comprimento. Esse par de galáxias foi descoberto originalmente por William Herschel em 1785. É bem provável que nos próximos cinco bilhões de anos a nossa galáxia experimente algo parecido com a galáxia vizinha de Andromeda que está hoje localizada a 2.6 milhões de anos-luz de distância da Via Láctea.

Essa imagem aqui reproduzida foi feita pelo instrumento EFOSC acoplado ao New Technology Telescope de 3.58 metros localizado no Observatório de La Silla do ESO no Chile. Os dados foram adquiridos através de três filtros diferentes (B, V e R) com um tempo total de exposição de 4440 segundos. O campo de visão é de aproximadamente 4 arcos de minuto.

Fonte:

http://spacefellowship.com/news/art22050/picture-of-the-day-galaxies-drawn-together.html

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo