fbpx

Mais Evidências Mostram Que a Cratera Aristillus na Lua Se Formou Por Um Impacto Oblíquo

A cratera Cassini e a possível pequena cratera concêntrica além dela é mostrada com clareza nessa bela imagem da Lua, mas é a área ao sul da Cassini que nos chama a atenção. Recentemente sugeriu-se que a Aristillus que aparece fora da imagem foi formada por meio de um impacto oblíquo. A imagem que defende essa ideia mostra cadeias e valas radiais muito bem desenvolvidas para noroeste e para sudeste mas não em direções intermediárias como é visto aqui. A imagem acima com uma escala maior e com baixo ângulo de iluminação revela com clareza a falta de cadeias e valas no terreno, confirmando a impressão na imagem que defendeu a ideia de impacto oblíquo. A Aristillus foi formada por um impacto oblíquo, um fato que parece não ter sido notado antes e que as imagens de astrônomos amadores ajudaram a confirmar.

Fonte:

https://lpod.wikispaces.com/February+25%2C+2012

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.