Essa Aí É A Primeira Imagem da Missão CHEOPS, E Acredite Ela É Melhor do Que Se Esperava!!!

A sonda recém-lançada CHEOPS da ESA, finalmente abriu seus olhos e fez as primeiras imagens, e, acredite, não se deixe enganar pela primeira impressão, a imagem é muito melhor do que se esperava.

CHEOPS, que é a sigla para CHaracterising ExOplanets Satellite, é um telescópio caçador de exoplanetas da ESA que foi lançado para a sua missão, no dia 18 de dezembro de 2019 a bordo de um foguete Soyuz, direto de Kourou na Guiana Francesa.

Depois de um lançamento realizado com sucesso, o telescópio foi aberto no dia 29 de janeiro de 2020, e toda a equipe em Terra esperava ansiosa por esse momento, para ver as primeiras imagens e ter certeza de que tudo estava funcionando de maneira correta, e que nada foi danificado durante o lançamento.

As primeiras imagens são cruciais para se determinar se a óptica do telescópio sobreviveu ao lançamento. E quando a primeira imagem apareceu na tela do centro de controle da missão, ficou claro para todos que tudo estava bem, e que temos mais um telescópio em funcionamento no espaço.

Mas, não somente, as primeiras imagens, confirmaram que a CHEOPS estava funcionando bem, elas mostraram que na verdade, as imagens estavam melhores do que se pensava anteriormente. As primeiras imagens se mostraram mais simétricas e mais suaves do que se esperava a partir de medidas realizadas em laboratório. E essas análises iniciais representam um grande alívio para toda a equipe e também uma injeção de alegria para o trabalho que irá começar.

É estranho falar que as imagens são boas, pois elas são borradas, mas é exatamente isso, isso era o esperado de acontecer já que o telescópio foi desfocado de forma proposital para permitir uma melhor precisão fotométrica, ao desfocar o telescópio, isso permite uma maior precisão pois suaviza a luz obre muitos pixels.

Então, embora a imagem não seja muito clara, ela é precisa, o que é necessário para registrar pequenas mudanças no brilho das estrelas fora do nosso Sistema Solar, observações essas que ajudarão a registrar o trânsito de exoplanetas.

A equipe irá continuar testando o telescópio e analisando as imagens feitas no decorrer dos próximos meses. Muitas imagens serão analisadas em detalhe para determinar o exato nível de precisão que se pode alcançar com o CHEOPS em diferentes aspectos do programa científico.

A missão CHEOPS foi desenvolvida para registrar exoplanetas transitando suas estrelas e assim caracterizá-los. A ideia inicial não é descobrir novos planetas, mas trabalhar com os já descobertos, e então fazer observações precisas do tamanho do planeta enquanto ele passa na frente da estrela. O foco serão exoplanetas do tipo super-Terra e do tamanho de Netuno, e com esses dados, a intenção é calcular a densidade dos planetas, um dos primeiros passos para a caracterização completa desses mundos alienígenas.

Fonte:

https://www.space.com/cheops-exoplanet-hunting-satellite-first-photos.html

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.