Eclipses Lunares

LunarEclipsesVinyaminov

observatory_150105A sombra interna e escura do planeta Terra é chamada de umbra. Com a forma de um cone que se estende para o espaço, ela tem uma seção circular que é mais facilmente visível durante um eclipse lunar. Mas a seção completa é maior que o tamanho angular da Lua nos estágios de um eclipse. Mesmo assim, essa bela imagem acima ilustra a extensão completa da sombra circular usando imagens tanto de eclipses parciais da Lua como de eclipses totais do nosso satélite, passando por diferentes partes da umbra. As imagens foram obtidas entre os anos de 1997 e 2011, e foram metodicamente registradas com o mesmo instrumento óptico, desde Voronezh, na Rússia. Ao longo da parte superior e inferior da imagem estão os estágios dos eclipses parciais da Lua de Setembro de 2006 e de Agosto de 2008, respectivamente. No lado direito inferior da imagem a Lua está entrando na umbra com uma imagem do eclipse total de Setembro de 1997. Na parte inferior esquerda, a Lua deixa a umbra depois da totalidade de Maio de 2004. Na parte central direita, e esquerda são mostrados os estágios do eclipse total de Junho de 2011, incluindo a parte central que coloriu a Lua de forma vermelha profunda. Hoje, dia 25 de Abril de 2013, teremos um breve eclipse parcial da Lua (vídeo abaixo), que só será visível no hemisfério leste da Terra. Nesse eclipse a Lua irá deslizar levemente, tocando a borda inferior da umbra.

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/ap130425.html

alma_modificado_rodape105

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.