fbpx

Direto do Observatório Lunar Vaz Tolentino: A Cratera Moretus e o Polo Sul Lunar

A cratera MORETUS e o Polo Sul Lunar.

(créditos: Tolentino.)

Cratera MORETUS.

Coordenadas Selenográficas: Lat: 70° 36? 00? S, Lon: 05° 30? 00? W.

Diâmetro: 114 Km.

Profundidade: 5 Km;

Período Geológico Lunar: Eratosteniano (Eratosthenian): 3200 milhões até 1100 milhões de anos atrás.

Moretus é exemplo de uma clássica cratera de impacto do tipo complexo. É uma formação circular, com paredes largas, muito elevadas e estruturadas internamente em curvas de nível ou degraus (terraces). Possui piso liso, inundado por lava basáltica, que hospeda algumas minúsculas crateras e apresenta uma imponente montanha central com 2700m de altitude em relação à base do piso. Moretus localiza-se na região das terras altas, cravejada por crateras de impacto, perto do polo sul lunar.

A partir de nosso ponto de vista da Terra, por causa de sua posição próxima à região limítrofe do limbo lunar sul, Moretus aparenta forma elíptica e não circular. Moretus é circundada pelas crateras Cysatus (ao norte), Short (ao sul), Curtius (a sudeste) e Gruemberger (a sudoeste). 

Foto executada com apenas 1 frame em 11? de ?abril? de ?2012, ??03h04m. Não deixem de visitar na internet o site oficial do Observatório Lunar Vaz Tolentino onde é possível encontrar centenas de imagens da Lua além de muitas informações sobre astronomia e ciência em geral. Visitem: www.vaztolentino.com.br

Fonte:

www.vaztolentino.com.br

 

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .