Cometa ISON É Registrado Pela Sonda STEREO Se Aproximando do Sol

encke_ison_crop_srem_lr


observatory_150105Ainda intacto, em 21 de Novembro de 2013, o Cometa ISON (C/2012 S1) varre esse campo animado de visão (a partir da esquerda) da câmera H-1 da sonda STEREO-A. A câmera também capturou o cometa periódico Encke, o planeta Mercúrio, a Terra, com o Sol cortado do frame na parte direita, a fonte do vento solar observado na imagem. Da perspectiva da sonda STEREO, no espaço interplanetário, o planeta Terra é na verdade o mais distante desse grupo de astros, visto em sua órbita além do Sol. Mercúrio é o mais próximo, mas ambos os planetas ainda aparecem tão brilhantes que eles criam linhas verticais nítidas no detector da câmera. Ambos os cometas mostram caudas substanciais, mas o ISON está mais perto da câmera e continuará se movendo mais rapidamente através do campo de visão. As câmeras acopladas nas sondas STEREO e OHO serão capazes de seguir o cometa ISON à medida que ele cai em direção ao seu encontro mais próximo do Sol que acontecerá no dia 28 de Novembro de 2013, mesmo que ele fique mais difícil de ser observado nos céus matutinos da Terra.

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/ap131123.html


alma_modificado_rodape105

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.