fbpx

Brilho do Ar É Registrado Sobre a Itália

Na serena paisagem noturna mostrada acima, o arco gracioso da Via Láctea se espalha sobre os proeminentes picos dos Alpes Italianos conhecidos como Tre Cime de Lavaredo. A imagem panorâmica acima de 180 graus foi feita com quatro exposições, com a câmera voltada para norte e mostra o céu ofuscado com uma estranha luz esverdeada. Essas sutis bandas brilhantes não auroras, mas sim o brilho do ar.  Diferente das auroras, que são geradas pela colisão com partículas energeticamente carregadas e vistas nas altas latitudes, o brilho do ar é gerado devido à chamada quimioluminescência, a produção de luz em uma reação química, e pode acontecer em qualuqer lugar da Terra. A energia química é fornecida pela extrema radiação ultravioleta do Sol. Como no caso das auroras, a tonalidade esverdeada desse brilho do ar se origina nas altitudes de 100 km ou mais, dominadas pela emissão de átomos de oxigênio excitados. O brilho do ar é visto com maior facilidade perto do horizonte, e deixa o céu noturno completamente escuro.

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/astropix.html

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .