As Mudanças de Estações em Netuno

changingneputne

observatory_150105Observações do Telescópio Espacial Hubble em Agosto de 2002 mostraram que o brilho do planeta Netuno aumentou de forma significante desde 1996. O aumento no brilho se deve ao aumento na quantidade de nuvens observadas no hemisfério sul do planeta. Esse aumento pode ser devido a mudanças sazonais causadas por uma variação no aquecimento solar. Pelo fato do eixo de rotação de Netuno ser inclinado 29 graus com relação ao seu plano orbital, ele está sujeito a um aquecimento solar sazonal durante seu período orbital ao redor do Sol de 164.8 anos. Essa variação sazonal é 900 vezes menor do que a experimentada pela Terra, pois, logicamente, Netuno está muito mais longe do Sol. A taxa de mudança sazonal é muito mais lenta em Netuno pois ele leva quase 165 anos para dar uma volta ao redor do Sol. Assim, a primavera no hemisfério sul leva algumas décadas. Impressionantemente, essa é a evidência de que Netuno está respondendo à fraca radiação solar que recebe. As imagens acima mostram isso e foram feitas pelo Wide Field and Planetary Camera 2 do Hublle.

Fonte:

http://www.wired.com/wiredscience/2013/01/space-photo-of-the-day-2?pid=7139

alma_modificado_rodape105

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo