A Nebulosa da Bolha e o Aglomerado M52

m52_bolha


observatory_150105Para o olho, essa composição cósmica equilibra bem a Nebulosa da Bolha, na parte inferior esquerda com o aglomerado estelar aberto M52, acima dela e a direita. No entanto em outras escalas o par seria desigual. Integrada num complexo de gás e poeira interestelar e soprada por ventos de uma única estrela massiva do Tipo-O, a Nebulosa da Bolha, também conhecida como NGC 7635, tem somente 10 anos-luz de largura. Por outro lado, o aglomerado M52 é um rico aglomerado aberto que possui por volta de mil estrelas. O aglomerado possui aproximadamente 25 anos-luz de diâmetro. Observados na direção da borda norte da constelação de Cassiopeia, a estimativa de distância associada para a Nebulosa da Bolha e para o complexo de nuvem associado é de aproximadamente 11000 anos-luz, enquanto que o aglomerado M52 localiza-se a aproximadamente 5000 anos-luz de distância. O vasto campo telescópico de visão se espalha por cerca de dois graus no céu, ou quatro vezes o tamanho aparente da Lua Cheia.

Fonte:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=576826249019507&set=a.574099075958891.1073741837.147511511950985&type=1&relevant_count=1


alma_modificado_rodape105

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo