fbpx

A M106 Observada Através do Espectro Eletromagnético

pia18461-640

observatory_150105Os braços espirais da brilhante galáxia ativa M106 se espalham por essa impressionante imagem composta por múltiplos comprimentos de onda, provenientes de dados que cobrem o espectro eletromagnético das ondas de rádio até os raios-X. Também conhecida como NGC 4258, a M106 pode ser encontrada na direção da constelação do norte de Canes Venatici. A distância bem medida para a M106 é de 23.5 milhões de anos-luz, fazendo com que essa cena cósmica se espalhe por cerca de 60000 anos-luz de diâmetro. Típicos em grandes galáxias espirais , as linhas escuras de poeira, os aglomerados jovens de estrelas, e as regiões de formação de estrelas traçam os braços espirais que convergem para o seu núcleo. Mas essa composição destaca dois braços anômalos em dados de ondas de rádio, em roxo, e em dados de raios-X em azul que parecem nascer na região central da M106, evidência de jatos energéticos de material explodindo pelo disco da galáxia. Os jatos são provavelmente energizados pela matéria que está caindo em direção ao buraco negro massivo central da galáxia.

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/ap140705.html

alma_modificado_rodape105

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .