fbpx

A Antiga Cratera Liang Kai em Mercúrio

EN0247903483M_LiangKai.map


observatory_150105A grande cratera na parte central esquerda da imagem acima é a Liang Kai. Liang Kai (a cratera) tem cerca de 140 km de diâmetro e é bem velha. Suas paredes e seu anel foram substancialmente erodidas, e o seu interior tem sido preenchido com um material de planície plana e extensa.

Liang Kai (o humano) foi um pintor da Dinastia Chinesa Song Sul que viveu de 1140 a 1210. Ele pintou com uma abordagem abreviada, empregando o mínimo de pinceladas necessárias para evocar seus súditos. Liang Kai foi algumas vezes chamado de Madman Liang. Uma de suas pinturas mais famosas é o caminhar bêbado de um ser celestial.

Na borda superior da imagem podem ser vistas as paredes repletas de terraços e os picos centrais brilhantes da Gainsborough, denominada assim em homenagem ao pintor inglês de mesmo nome.

A imagem acima foi adquirida como parte do mapa base de albedo de alta resolução do instrumento MDIS. As melhores imagens para discernir as variações em albedo, ou em brilho, na superfície são adquiridas quando o Sol está diretamente sobre o alvo, assim essas imagens são feitas normalmente com baixos ângulos de incidência. O mapa base de albedo cobre a superfície de Mercúrio com uma resolução média de 200 metros por pixel.

Fonte:

http://messenger.jhuapl.edu/gallery/sciencePhotos/image.php?page=1&gallery_id=2&image_id=1375


alma_modificado_rodape105

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.