23 Horas de Estratigrafia Lunar

Ter duas noites sucessivas de céu claro é algo relativamente raro. Um astrônomo amador teve essa chance nas noites de 15 e 16 de Janeiro de 2011. Com isso, ele se aprontou para tentar fazer imagens desse par de crateras com a mesma orientação e com o mesmo grau de aumento. A diferença entre elas é a iluminação proveniente do Sol, o que faz com que muitos detalhes possam ser revelados (embora a noite de 16 de Janeiro proporcionou sem dúvida uma melhor observação). Mas o que mais chama a atenção e é um mistério sobre a maioria do material entre as duas crateras. Esse material é ejetado da Bacia Humorum? Se sim, Gassendi e Letronne se formaram depois? Qual se formou primeiro? É possível dizer? O fato da Cratera Lettrone ter a maior parte de seu terreno inundada é uma pista? Como podemos ver, as vezes fazer uma imagem da Lua levanta inúmeras questões que ficam na cabeça não só de astrônomos profissionais, mas também de astrônomos amadores apaixonados pelo nosso satélite.

Fonte:

http://lpod.wikispaces.com/January+23,+2011

 

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo