Vídeo Mostra Mapa Global de Titã Construído Com Imagens da Sonda Cassini

Uma equipe internacional de cientistas liderada pela Universidade de Nantes juntou imagens acumuladas por mais de seis anos pela missão Cassini para criar um mosaico global da superfície do satélite Titã de Saturno. Os mapas globais e as animações da maior lua de Saturno, foram apresentada por Stéphane Le Mouélic no Encontro EPSC-DPS Joint MEeting de 2011 em Nantes na França no dia 4 de Outubro de 2011.

A equipe compilou todas as imagens em infravermelho adquiridas pelo instrumento chamado Visual and Infrared Mapping Spectrometer, ou VIMS que viaja no sistema de Saturno a bordo da sonda Cassini, durante os primeiro setenta sobrevoos da sonda por Titã. Ajustar as peças desse quebra-cabeça gigante é uma tarefa árdua. As imagens precisam ser corrigidas para os diferentes graus de iluminação e assim, cada imagem é filtrada pixel por pixel retirando as distorções atmosféricas e demais artefatos indesejáveis. Titã é um satélite que é coberto por uma espessa e opaca atmosfera composta principalmente de nitrogênio. Ele tem nuvens de metano e etano e existe uma crescente evidência para chuvas de metano no satélite. Alguns poucos comprimentos de onda específicos do infravermelho podem penetrar pelas nuvens e pela névoa fornecendo assim uma visão da superfície de Titã. Titã é um mundo exótico e congelado com muitas feições geológicas parecidas com as encontradas na Terra e que progressivamente, graças a trabalhos como esse vem emergindo da escuridão.

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.