fbpx

Vídeo do NOAA Mostra Efeitos do Tremor no Japão se Propagando Pelo Mundo

Os sismologistas estão gerando impressivos modelos de computador do devastador terremoto que atingiu o Japão no dia 11 de Março de 2011. À medida que a tragédia continua a se desdobrar é fascinante ver o poder destrutivo da Terra em ação.

O mapa acima mostra um modelo das alturas das ondas, geradas no Center for Tsunami Research no NOAA Pacific Marine Environmental Laboratory. A energia das ondas se dissipa à medida que as distâncias aumentam, desse modo, o o Havaí e a costa oeste americana não sofrerá com ondas devastadoras  que atingiram o Japão, mas mesmo assim o poder é incrível, todo o Oceano PPacífico sofrerá o impacto. As ondas são menores em locais em que o assoalho oceânico é mais profundo.

A animação abaixo mostra a Tsunami à medida que ela se propaga desde o epicentro do terremoto a aproximadamente 80 milhas da costa japonesa a uma profundidade de 15 milhas. A onda se propaga calmamente juntamente com a sua força destrutiva. Um problema adicional, além da potência do tremor, e da Tsunami são as réplicas que podem passar de 100.

 

Fonte:

http://www.popsci.com/technology/article/2011-03/computer-models-illustrate-tsunamis-prodigious-powers

 

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .