fbpx
17 de setembro de 2021

Um Monstro no Coração da Nebulosa do Caranguejo

A Nebulosa do Caranguejo é uma nebulosa causada por um vento de um pulsar e um remanescente de supernova que foi registrado pelos astrônomos chineses e árabes em 1054 D.C. com uma luminosidade em torno de 75000 vezes maior que o Sol na constelação de Touro. No centro da nebulosa está o Pulsar do Caranguejo, uma estrela de nêutrons em rotação  que emite pulsos de radiação de raios gamma e de ondas de rádio com uma taxa de rotação de 30.2 pulsos por segundo. A descoberta da fonte de rádio pulsante no centro da Nebulosa do Caranguejo foi na época uma forte evidência de que os pulsares eram formados por explosões de supernova.

Fonte:

http://www.stumbleupon.com/su/5mGaGT/www.dailygalaxy.com/my_weblog/2010/05/image-of-the-day-monster-at-the-center-of-the-crab-nebula.html/r:t

Posts Relacionados:

http://cienctec.com.br/wordpress/?p=2061

http://cienctec.com.br/wordpress/?p=907

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo