Um Meteoro? Um OVNI? Não, Apenas o Brilho de Um Satélite Iridium

iridium

observatory_150105Os satélites Iridium são pequenos satélites de comunicação, construídos pela Iridium LLC Corporation que estão numa baixa órbita com relação à Terra. No total existem 66 desses satélites na rede Iridium, cada um deles com três principais antenas de missão que são na verdade superfícies altamente refletivas do tamanho de uma porta. A reflexão da luz do Sol nessas antenas gera um brilho, que nesse caso foi registrado por Greg Gibbs.

Pelo fato das órbitas desses satélites serem conhecidas, é possível calcular a posição do satélite, em comparação com o observador e desse modo prever esses brilhos intensos.

Os brilhos normalmente têm uma magnitude de -7 ou -8 e brilham de forma intensa o suficiente para serem observados até mesmo de dia, mas como a própria imagem acima mostra esses brilhos são muito mais espetaculares durante a noite. Os satélites são normalmente visíveis quando eles não estão brilhando, e aparecem como uma estrela apagada vagando através do céu noturno.

Fonte:

https://www.facebook.com/AstrophysicsAndAstronomy?ref=stream

alma_modificado_rodape105

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo