fbpx

Sonda LROC da NASA Registra Material Derretido Por Impacto na Lua em Forma Canalizada

Embora os materiais derretidos por impactos tenham sido observados na Lua pela primeira vez na era das imagens obtidas pelas missões Apollo, ou seja, não é nenhuma novidade, a alta resolução das imagens da câmera NAC da sonda LROC permitem aos geólogos olharem os depósitos formados por material derretido por impacto de em muito mais detalhe. Agora, nós sabemos que o material derretido por impacto cria feições muito jovens e espetaculares na superfície da Lua, como fluxos divergentes, depósitos de material derretido por impacto, fraturas poligonais fluxos de transbordamento e blocos fragmentados.

O fluxo de material derretido por impacto pode agir de forma erosiva, removendo as rochas de um local e as depositando em outro. Essa imagem mostra uma seção da rocha em um terraço na parede leste da cratera Jackson. A seção “A” parece ser cortada do resto da rocha por um pequeno canal. Provavelmente foi o movimento rápido do material derretido por impacto que criou esse pequeno canal, que tem uma largura média de 60 metros. À medida que o material derretido por impacto fluiu sobre os terraços, em direção ao centro da cratera ele foi armazenando momento suficiente para fluir de forma turbulenta e cortar as rochas pré-existentes. A parte terminal da seção isolada também sugere que essa região foi erodida pelo fluxo. A rocha pré-existente também parece ter sido gerada por um fluxo de material derretido por impacto, depositada num fluxo anterior, ou é coberta com uma fina camada de material derretido por impacto. Normalmente nós somente observamos canais cortando através da rocha em caso de canais sinuosos, que são gerados pelo fluxo turbulento do basalto.

Fonte:

http://lroc.sese.asu.edu/news/index.php?/archives/434-Channelized-impact-melt.html

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .