fbpx

Rover Curiosity Irá Investigar As Próprias Marcas Deixadas no Solo de Marte Para Uma Locomoção Mais Precisa

A imagem acima mostra em detalhe as marcas deixadas pelo rover Curiosity no solo de Marte. Os buracos nas rodas do rover, vistos aqui, deixam impressões nos rastros que podem ser usadas para ajudar a dirigir o rover com maior precisão. A impressão é de fato um código Morse para JPL, que é a sigla do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA onde o rover foi construído e onde a missão é gerenciada.

O software de odometria visual do Curiosity mede as feições no terreno, como as rochas, as sombras formadas pelas rochas e os padrões deixados pelas rodas do rover no solo marciano, para assim poder determinar com precisão a distância percorrida entre os percursos que serão realizados. Saber o quanto foi percorrido pelo rover é importante para medir qualquer deslizamento que eventualmente pode acontecer com o rover pelo fato de caminhar em terrenos com alta inclinação e bem arenosos. Terrenos arenosos, formados por grãos bem finos, geralmente perdem as marcar ali deixadas, nesse caso, o rover Curiosity fará suas próprias marcas usando os rastros deixados pelas suas rodas.

O código Morse, impresso nas seis rodas é: .— (J), .–. (P), and .-.. (L). 

Fonte:

http://mars.jpl.nasa.gov/msl/multimedia/images/?ImageID=4587

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .