Parker Solar Probe Está Pronta Para Começar a Segunda Órbita ao Redor do Sol

No dia 19 de Janeiro de 2019, apenas 161 dias depois de ter sido lançada desde a Estação da Força Aérea em Cabo Canaveral, na Flórida, a sonda Parker Solar Probe da NASA completou sua primeira órbita ao redor do Sol atingindo o ponto mais distante da estrela, chamado de afélio. A sonda está agora começando a segundas de 24 órbitas previstas ao redor da nossa estrela, o segundo periélio, ou seja, o ponto mais próximo do Sol, nessa órbita, deve acontecer em 4 de Abril de 2019.

A Parker Solar Probe entrou no estado de operação completa em 1 de Janeiro de 2019, com todos os seus sistemas ligados e operando como desejado. A sonda está enviando dados para a Terra, e até o momento mais de 17 gigabits de dados científicos foram baixados. A base de dados completa da órbita será baixada em Abril de 2019.

“Essa primeira órbita foi realmente fascinante”, disse o gerente de projeto da Parker Solar Probe, Andy Driesman do Laboratório de Física Aplicada da Universidade Johns Hopkins. “Nós aprendemos muito sobre como operar a sonda e como reagir ao ambiente solar, a eu estou muito orgulhoso em dizer que as previsões feitas pela nossa equipe foram muito precisas”, o APL desenhou, construiu e gerencia a missão para a NASA.

“Nós sempre dissemos que não sabíamos o que esperar até olharmos os dados”, disse o cientista de projeto Nour Raouafi, também do APL. “Os dados que estamos recebendo apontam para muitas coisas novas que nós não observamos antes e para potenciais novas descobertas. A Parker Solar Probe está entregando a verdadeira promessa da missão, ou seja, revelar os mistérios do Sol”.

A equipe da Parker Solar Probe não está só focada em analisar os dados científicos mas também em preparar o segundo encontro com o Sol, que irá acontecer em pouco mais de 2 meses.

Na preparação para o próximo encontro com o Sol, o disco de estado sólido da sonda está sendo esvaziado, à medida que os dados são enviados para a Terra. A sonda também está recebendo uma atualização nas informações de posição e de navegação, e está sendo carregada com uma nova sequência de comandos automáticos que contêm cerca de um mês de instruções.

Como no primeiro periélio da missão, em Novembro de 2018, o segundo periélio da Parker Solar Probe em Abril de 2019 fará com que a sonda chegue a 24 milhões de km do Sol, o que é metade da distância que a Helios 2, a recordista cuja distância mais próxima do Sol, foi de 43 milhões de km, em 1976.

Os conjuntos dos 4 instrumentos da Parker Solar Probe, irão ajudar os cientistas a começar a responder questões sobre a física fundamental do Sol, incluindo como as partículas e o material solar são acelerados no espaço a altas velocidades e por que a atmosfera do Sol, a sua coroa, é tão mais quente que a sua superfície.

Fonte:

https://blogs.nasa.gov/parkersolarprobe/2019/01/28/all-systems-go-as-parker-solar-probe-begins-second-sun-orbit/

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.