Panorama Lunar Através de um Pequeno Telescópio

Você já teve a chance de observar essa lunação atual? Ela está proporcionando uma bela visão do nosso satélite como a mostrada acima. Na imagem pode-se ver o Mar Crisium  que aparece como gigantesco pedaço suave interrompendo o terreno mais rugoso e cheio de crateras próximo a ele. A Cleomedes também está visível como uma versão menor do Crisium, sugerindo que as duas feições são do mesmo tipo. Com um simples mapa é fácil identificar a Endymion, a Langrenus e forma estranha da Vendelinus. Mas o desafio mesmo é a Petavius, que tem a sua trincheira escura visível na imagem, mas só olhos bem treinados e que conheçam muito bem a superfície lunar são capazes de observá-la. Lógico que ficamos fascinados com as imagens de alta resolução e de detalhes da Lua, mas imagens feitas com pequeno telescópios também podem fornecer imagens espetaculares como essa. Com imagens mais abertas é possível explorar por meses o solo lunar. Mas temos também que dar valor ao nosso satélite que aparece de forma espetacular, qualquer que seja o auxílio óptico que se esteja usando, desde pequeno binóculos usados para observar shows e corridas de cavalos até gigantescos telescópios como o Hubble.

Fonte:

http://lpod.wikispaces.com/April+9%2C+2011

 

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.