O Rastro das Estrelas Sobre o Atacama

Celestial Circles

Para tirar esta Fotografia da Semana, o Embaixador Fotográfico do ESO Adhemar Duro parou à beira da estrada a caminho de um dos locais de observação do ESO no Chile. A estrada sobe até ao ALMA, o Atacama Large Millimeter/submillimeter Array, situado a 5000 metros de altitude.

Devido ao longo tempo de exposição da imagem, as estrelas traçam círculos no céu noturno à medida que orbitam o polo sul celeste, que se situa no centro da imagem. Por cima do polo celeste podemos ver a Pequena e a Grande Nuvens de Magalhães — duas galáxias satélite da Via Láctea, visíveis apenas a partir do hemisfério sul — que nos aparecem como duas nuvens difusas e azuladas. No lado esquerdo da fotografia, uma área densamente populada por estrelas marca o centro da Via Láctea.

Apesar da fotografia ter sido tirada no remoto deserto do Atacama, podemos ver ainda, no lado direito da imagem, as luzes distantes da pequena vila de San Pedro de Atacama iluminando o céu escuro.

Fonte:

http://www.eso.org/public/brazil/images/potw1627a/

alma_modificado_rodape105

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.