Novas Ideias Sobre Como Encontrar o Planeta 9 – Space Today TV Ep.1379

—————————————————————————–

**** CONHEÇA A LOJA OFICIAL DO SPACE TODAY!

http://www2.spacetodaystore.com

Camisetas, e muitos produtos para vocês. Visite!

—————————————————————————–

Faz tempo que não falo dele, então hoje resolvi falar, o famigerado, Planeta 9.

Não, ele ainda não foi descoberto, e o intuito aqui é mostrar as novas ideias para tentar descobrir definitivamente a existência do Planeta 9.

Recordando para quem não se lembra, o Planeta 9 foi proposto para explicar o estranho alinhamento das órbitas de KBOs, ou objetos do cinturão de Kuiper.

De acordo com simulações, só a presença de um planeta com 10 vezes a massa da Terra conseguiria alinhar as órbitas como observadas pelos astrônomos.

Desde então teve início a caçada do Planeta 9 e uma série de elucubrações , já foi proposto que ele foi um exoplaneta capturado, já foi calculado o seu tamanho, sua massa, sua órbita, já foi proposto até que ele não existe, mas a batalha continua.

Mas o que temos de novo no que diz respeito à busca pelo Planeta 9.

Uma primeira coisa, duas equipes de astrônomos estão revezando o uso do telescópio Subaru no Havaí para tentar achar o Planeta 9.

Eles usam o grande campo de visão do Subaru para isso e a ideia é vasculhar uma área no céu equivalente a 4000 luas cheias.

Outra ideia é usar o calor gerado pelo Planeta 9, por menor que ele seja, para isso, pesquisadores pretendem usar telescópios que atuam no comprimento de onda milimétrico no Chile e na Antártica para encontrar o Planeta 9, de acordo com as estimativas seria possível encontrar um planeta do tamanho da Terra a uma distância de 1000 Unidades Astronômicas.

Outra ideia, vasculhar o Planeta 9, nos dados já adquiridos, pode ser que em algum dado de grandes telescópios, o Planeta 9 mostrou sua cara por lá, então seria necessário um esforço para busca-lo nesses dados.

Mais uma ideia usar os dados da Cassini, essa é uma questão que gera muita controvérsia, pois um grupo de pesquisadores diz que a órbita da Cassini ao redor de Saturno se ajusta muito bem com a presença do Planeta 9, ou seja, as variações detectadas, indicariam a presença do Planeta 9, embora exista uma grande quantidade de cientistas que descartam essa hipótese.

Uma última ideia é usar a geladeira atômica, lembram dela, aquela que resfria a matéria próximo do zero absoluto, até que os átomos começam a agir como ondas, os pesquisadores dizem que a perturbação gravitacional do Planeta 9 poderia ser detectada por esse tipo de equipamento, um equipamento de teste está na ISS e vamos esperar os resultados.

Por fim, embora o Planeta 9 ainda não tenha sido encontrado, a sua busca resultou em grandes descobertas.

Satélites de Júpiter já foram descobertos, Objetos do Cinturão de Kuiper e até mesmo um mapa mais detalhado do halo de matéria escura da Via Láctea já foi feito graças aos esforços na busca pelo Planeta 9.

Como eu já disse aqui, mesmo não o encontrando os pesquisadores terão a capacidade de fazer descobertas diferentes só com a busca dele.

Continuamos aguardando a confirmação da existência do Planeta 9.

Fonte:

https://www.quantamagazine.org/why-cant-we-find-planet-nine-20180703/

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.