NGC 7293: A Nebulosa Helix

Localizada somente a setecentos anos-luz de distância da Terra, na constelação de Aquarius, uma estrela parecida com o Sol está morrendo. Seus últimos milhares de anos têm produzido a Nebulosa Helix (NGC 7293), uma bem estudada e um exemplo bem próximo de nós de uma nebulosa planetária, típica dessa fase final da evolução estelar. Um total de 10 horas de exposição foram gastos para criar essa impressionante imagem profunda da nebulosa. Essa imagem, mostra detalhes da região interna e mais brilhante da Helix, com 3 anos-luz de diâmetro, mas também destaca feições mais apagadas no halo externo que faz com que a nebulosa se espalhe por mais de seis anos-luz de diâmetro. O ponto branco no centro da Helix é a estrela central e quente da nebulosa planetária. Uma nebulosa que parece simples quando se olha pela primeira vez, a Helilx é atualmente entendida como tendo uma geometria surpreendentemente complexa.

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/ap110108.html

 

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo