fbpx

M16 Pilares da Criação

Ela se tornou uma das imagens mais famosas dos tempos modernos. Essa imagem, feita com o Telescópio Espacial Hubble em 1995, mostra glóbulos gasosos evaporando (EGGs) emergindo de pilares de gás hidrogênio molecular e poeira. Os pilares gigantes possuem anos-luz de comprimento e são tão densos que o gás interior se contrai gravitacionalmente para formar estrelas. No final de cada pilar, a intensa radiação do brilho de estrelas jovens proporciona que o material de menor densidade ferva, deixando os berçários estelares de densas EGGs expostas. A Nebulosa da Águia, associada com o aglomerado estelar aberto M16, localiza-se a 7000 anos-luz de distância. Os pilares da criação foram novamente imageados pelo Observatório Orbital de Raios-X Chandra, e encontrou-se que a maioria dos EGGs não são fortes emissores de raios-X.

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/ap100328.html

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .