Imagem Impressionante Mostra o Campo Profundo de Orion

Vagando a 1500 anos-luz de distância em uma das constelações mais reconhecidas do céu noturno, a brilhante Nebulosa de Orion e a Nebulosa da Cabeça do Cavalo, escura, possuem visões contrastantes. Ambas as nebulosas aparecem nessa impressionante imagem digital composta de mais de 20 horas de dados que foram reunidos e que inclui exposições filtradas para registrar a emissão dos átomos de hidrogênio. A imagem revela  extensivas nebulosidades associadas com o gigantesco Complexo de Nuvem Molecular de Orion, com centenas de anos-luz de comprimento. A impressionante região de emissão, a Nebulosa de Orion (chamada também de M42), localiza-se na parte superior direita da imagem. Imediatamente à sua esquerda está um aglomerado formado por nebulosas de reflexão azuladas proeminentes algumas vezes chamados de O Corredor. A Nebulosa da Cabeça do Cavalo aparece como uma nuvem escura, uma pequena silhueta notada contra o longo brilho vermelho na parte inferior esquerda da imagem. Alnitak, a estrela mais a leste no cinturão de Orion é vista como uma brilhante estrela à esquerda da Nebulosa da Cabeça do Cavalo. Abaixo de Alnitak está a Nebulosa da Labareda, com nuvens de emissões brilhantes e dramáticas linhas de poeira escura. Estruturas em forma de filamentos de gás hidrogênio brilhante são facilmente visíveis traçando toda a região nessa imagem de campo profundo de Orion.

Fonte:

http://apod.nasa.gov/apod/ap061015.html

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.