fbpx

Imagem de Brilho Aparente e de Topografia da Cratera Octavia em Vesta

A imagem acima a esquerda foi feita pela câmera de enquadramento da sonda Dawn da NASA e mostra o brilho aparente de uma porção da superfície do asteroide Vesta. Já a imagem da direita foi gerada com base na imagem de brilho aparente mas foi colorida de modo que cada cor represente a altura das feições encontradas nessa região do objeto. A topografia é calculada a partir de um conjunto de imagens obtidas com ângulos de observação  ligeiramente diferentes de modo que se possa realizar a reconstrução estereográfica. Na imagem da direita, as cores branca e vermelha indicam as regiões mais elevadas enquanto que a cor azul representa as regiões mais baixas dessa porção do asteroide. Octavia é a grande cratera que domina a parte inferior direita da imagem. A cratera Octavia tem um anel recortado, que é conservado de um dos lados e mais degradado do outro. A imagem topográfica mostra que a cratera Octavia se formou num talude,  a região de topografia elevada mostrada pela cor branca na parte inferior direita da imagem descendo até uma parte em azul representando uma topografia baixa, indica essa formação em talude. Uma parte do anel da cratera Octavai pode ter se degradado devido ao fato da Octavia ter se formado num talude e/ou essa degradação pode ter sido devido ao movimento de massa de material em direção ao centro da cratera Octavia. A cadeia no centro da Octavia pode ter se formado pela deposição desse material. Existe um pedaço de material escuro distinto no anel inferior da cratera Octavia.

As imagens acima mostram a região do Quadrante Marcia, localizado um pouco ao sul do equador do asteroide Vesta. A sonda Dawn da NASA obteve essa imagem de brilho aparente com sua câmera de enquadramento e usando o seu filtro limpo no dia 14 de Outubro de 2011. A distância entre a sonda Dawn e a superfície do asteroide Vesta no momento da imagem era de 700 quilômetros e a resolução da imagem é de 70 metros por pixel. Essa imagem foi adquirida durante a fase HAMO, High Altitude MApping Orbit, da missão da sonda Dawn em Vesta. Essas imagens foram projetadas em mapa usando a projeção Lambert-azimutal.

Fonte:

http://dawn.jpl.nasa.gov/multimedia/imageoftheday/image.asp?date=20120709

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .