Hubble Resolve Mistério Envolvendo A Via Láctea – Space Today TV Ep.1162

O ambiente das galáxias, os arredores das galáxias não são simples de entender.

A Via Láctea, é rodeada por cerca de 50 galáxias menores, chamadas de galáxias satélites.

Duas delas se destacam, são A Pequena e a Grande Nuvem de Magalhães.

Quando se faz imagem do plano central da Via Láctea em determinados comprimentos de onda é possível ver estruturas que parecem ligar as galáxias satélites com a Via Láctea.

Em 2013, o s astrônomos haviam identificado o chamado Magellanic Stream, mas quando você observa ele, esse fluxo de gás está passando por fora do plano central da Via Láctea.

Porém existe outro fluxo de gás também que parece estar ligando as galáxias, esse outro fluxo de gás é chamado de Leading Arm.

O Leading Arm, ao contrário do Magellanic Stream cruza o plano central da ia Láctea e parece sobrevier.

Porém existe uma grande dúvida nessas interações entre as galáxias satélites e a Via Láctea, qual seria das duas nuvens de magalhães aquela que estaria empurrando esse gás na direção da Via Láctea?

A única maneira de estudar esse fluxo de gás do Leading Arma era usando o Hubble, e assim foi feito.

Os astrônomos usaram a sensibilidade do telescópio espacial Hubble e a luz proveniente de sete quasares.

Assim eles puderem ver como o gás filtrava a luz desses quasares, e integrando os dados do Hubble com os da antena de Green Bank, os astrônomos puderam também calcular a composição e a velocidade com a qual o gás está se movimentando.

Com todas essas informações, eles puderam concluir que a galáxia satélite culpada por isso, é a Grande Nuvem de Magalhães.

Agora vem a pergunta caso você não tenha entendido nada até aqui, para que isso serve?

Os astrônomos pretendem entender como as galáxias evoluem, isso está intimamente ligado à evolução do universo.

Uma etapa fundamental nessa evolução é o processo de formação de estrelas, e para formar mais estrelas as galáxias precisam de gás e poeira.

São esses jatos, essas interações entre galáxias grandes e galáxias satélites que faz com que o processo de formação de estrela continue a existir.

Isso, os astrônomos sabem fazendo simulações computacionais, agora eles são capazes de observar esse fenômeno acontecer, e assim testar seus modelos e suas teorias sobre esse processo.

É o Hubble, ainda mostrando porque é uma das ferramentas mais importantes da astronomia moderna.

Fonte:

https://www.nasa.gov/feature/goddard/2018/hubble-solves-cosmic-whodunit-with-interstellar-forensics

Artigo:

https://arxiv.org/pdf/1801.06446.pdf

Padrim do Space Today Para a Volta das Lives!!!

https://www.padrim.com.br/spacetoday

Seja meu Patrão:

http://www.patreon.com/spacetoday

=====================================================

Seja um apoiador do Space Today:

https://apoia.se/spacetoday

=====================================================

Conheça a Agência Marcos Pontes e torne o seu sonho de conhecer o ESO em realidade:

http://www.agenciamarcospontes.com.br

http://www.agenciamarcospontes.com.br/visita-observatorios-telescopios-eso-atacama-viagem.php

=====================================================

Seja meu Patrão:

http://www.patreon.com/spacetoday

=====================================================

Apoio e apresentação:

http://deviante.com.br

A nova casa do SciCast

=====================================================

Science Vlogs Brasil:

https://www.youtube.com/channel/UCqiD87j08pe5NYPZ-ncZw2w/featured

http://scienceblogs.com.br/sciencevlogs/

https://www.youtube.com/channel/UCqiD87j08pe5NYPZ-ncZw2w/channels?view=60

=====================================================

Meus contatos:

BLOG: https://spacetoday.com.br

FACEBOOK: http://www.facebook.com/spacetoday

TWITTER: http://twitter.com/spacetoday

YOUTUBE: http://www.youtube.com/spacetodaytv

Obrigado pela audiência e boa diversão!!!

=====================================================

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.