fbpx

Foguete Japonês Epsilon É Lançado Com Sucesso E Leva Satélite ASNARO-2 Para a Órbita da Terra

Um foguete japonês Epsilon entregou com sucesso o satélite de observação da Terra por radar, ASNARO-2 para a sua órbita, na noite do dia 17 de Janeiro de 2018. O foguete Epsilon foi lançado desde o Uchinoura Space Center, às 19:06 hora de Brasília, do dia 17 de Janeiro de 2018. Infelizmente não conseguimos fazer essa transmissão ao vivo.

O Advanced New Satellite with New System Architecture for Observation, ou ASNARO, é uma série de satélite criada para o Ministério da Economia, Indústria e Comércio do Japão, pela Japan Space Systems Company.

O lançamento do ASNARO-2 a bordo do foguete Epsilon tinha sido originalmente programado para o dia 12 de Novembro de 2017. Porém, devido a problemas elétricos ele foi adiado. Além disso, o mal tempo na base de lançamento adiou novamente lançamento em 16 de Janeiro de 2018.

O primeiro satélite ASNARO foi lançado num foguete DNEPR em 2014 e carregava um sistema de observação óptica com uma resolução de 2 metros por pixel. O ASNARO-2 carrega um Radar de Abertura Sintética da Banda X para o mapeamento do terreno.

Um terceiro satélite nessa série está planejado para ser lançado e carregará um sistema de observação hiperespectral, para fazer imagens ópticas e também em outros comprimentos de onda.

Os satélites ASNARO são desenhados para serem pequenos e leves, com uma massa em torno dos 400 a 600 kg, com um chassis comum e seções que podem ser trocadas. Isso foi feito para reduzir o custo e simplificar o planejamento e a preparação da missão.

O ASNARO-2 carrega um SAR de banda X pesando cerca de 220 kg. O SAR tem uma resolução de 1 metro por pixel, e tem três modos de observação: spotlight, stripmap e ScanSAR. O modo mais estreito, o spotlight, tem uma largura de imagem de 10 km.

O chassis comum do ASNARO pesa cerca de 305 kg, sem combustível e carrega dois conjuntos de painéis solares que juntos geram 1300 watts de energia. O chassis também carrega 45 kg de hidrazina para manobras, além disso rodas de reação e sistemas magnéticos para o controle de atitude.

O foguete Epsilon é um foguete com 3 estágios de combustível sólido e um estágio superior de combustível líquido, chamado de Compact Liquid Propulsion Stage, que foi usado no lançamento do ASNARO-2. Dos 3 voos já feitos por um foguete Epsilon esse foi o segundo a usar o CLPS.

O veículo de lançamento Epsilon entregou o ASNARO-2 numa órbita polar síncrona com o Sol, com uma inclinação de 97.4 graus e uma altitude de 504 km. Os três estágios de combustível sólido completaram suas queimas depois de cerca de 9 minutos do lançamento e o estágio CLPS separou da nave depois de cerca de 4 minutos e meio após a separação do terceiro estágio.

O próximo lançamento do foguete Epsilon é esperado para o final do ano de 2018, onde a missão será levar 4 satélites, incluindo o OrigamiSat-1, que irá demonstrar o comportamento de estruturas de membranas no espaço, e o AOBA VELOX 4, um cubesat em parceria entre o Japão e Singapura, para estudar o Lunar Horizon Glow, uma luz anômala possivelmente causada pela presença de poeira ao redor da borda da Lua.

Fonte:

http://www.spaceflightinsider.com/organizations/jaxa/japanese-epsilon-rocket-sends-asnaro-2-radar-satellite-orbit/

Sérgio Sacani

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .