fbpx
27 de fevereiro de 2024

Espelho Primário do Telescópio Espacial James Webb Está Alinhado e Funcionando Acima das Expectativas no Espaço

Após a conclusão das etapas críticas de alinhamento de espelhos, a equipe do Telescópio Espacial James Webb da NASA espera que o desempenho óptico do Webb seja capaz de atender ou exceder os objetivos científicos para os quais o observatório foi construído.

Em 11 de março, a equipe Webb concluiu a etapa de alinhamento conhecida como “ fase fina ”. Nesta fase chave no comissionamento do Elemento Óptico do Telescópio Webb, todos os parâmetros ópticos que foram verificados e testados estão funcionando dentro ou acima das expectativas. A equipe também não encontrou problemas críticos e nenhuma contaminação ou bloqueios mensuráveis ​​no caminho óptico do Webb. O observatório é capaz de coletar com sucesso a luz de objetos distantes e entregá-la aos seus instrumentos sem problemas.

Embora ainda faltem meses para a Webb entregar sua nova visão do cosmos, alcançar esse marco significa que a equipe está confiante de que o primeiro sistema óptico da Webb está funcionando da melhor maneira possível.

“Há mais de 20 anos, a equipe do Webb decidiu construir o telescópio mais poderoso que alguém já colocou no espaço e apresentou um design óptico audacioso para atender às exigentes metas científicas”, disse Thomas Zurbuchen, administrador associado da Missão Científica da NASA. “Hoje podemos dizer que o design vai entregar.”

Enquanto alguns dos maiores telescópios terrestres da Terra usam espelhos primários segmentados, o Webb é o primeiro telescópio no espaço a usar esse design. O espelho primário de 6,5 metros – grande demais para caber dentro de uma carenagem de foguete – é composto por 18 segmentos de espelho hexagonais de berílio. Ele teve que ser dobrado para o lançamento e depois desdobrado no espaço antes que cada espelho fosse ajustado – em nanômetros – para formar uma única superfície espelhada.

“Além de permitir a incrível ciência que o Webb alcançará, as equipes que projetaram, construíram, testaram, lançaram e agora operam este observatório foram pioneiras em uma nova maneira de construir telescópios espaciais”, disse Lee Feinberg, gerente de elementos óptico do telescópio Webb no Goddard Space Flight Center da NASA em Greenbelt, Maryland.

Com o estágio de fase fina do alinhamento do telescópio completo, a equipe agora alinhou totalmente o imageador primário do Webb, a Near-Infrared Camera , aos espelhos do observatório.

“Alinhamos totalmente e focamos o telescópio em uma estrela, e o desempenho está superando as especificações. Estamos empolgados com o que isso significa para a ciência”, disse Ritva Keski-Kuha, vice-gerente de elementos ópticos do telescópio Webb no NASA Goddard. “Agora sabemos que construímos o telescópio certo.”

Nas próximas seis semanas, a equipe prosseguirá com as etapas restantes de alinhamento antes dos preparativos finais do instrumento científico. A equipe irá alinhar ainda mais o telescópio para incluir o Near-Infrared Spectrograph , o  Mid-Infrared Instrument, o  Near InfraRed Imager e o Slitless Spectrograph . Nesta fase do processo, um algoritmo avaliará o desempenho de cada instrumento e, em seguida, calculará as correções finais necessárias para obter um telescópio bem alinhado em todos os instrumentos científicos. Depois disso, a etapa final de alinhamento do Webb começará e a equipe ajustará quaisquer pequenos erros de posicionamento residuais nos segmentos de espelho.

A equipe está a caminho de concluir todos os aspectos do alinhamento do Elemento óptico do James Webb até o início de maio, se não antes, antes de passar para aproximadamente dois meses de preparação dos instrumentos científicos. As primeiras imagens de alta resolução e dados científicos de Webb serão lançados no meio do ano de 2022.

O Webb é o principal observatório de ciência espacial do mundo e, uma vez totalmente operacional, ajudará a resolver mistérios em nosso sistema solar, olhar além para mundos distantes em torno de outras estrelas e investigar as misteriosas estruturas e origens de nosso universo e nosso lugar nele. Webb é um programa internacional liderado pela NASA com seus parceiros da ESA (Agência Espacial Europeia) e da Agência Espacial Canadense.

Fonte:

https://www.nasa.gov/press-release/nasa-s-webb-reaches-alignment-milestone-optics-working-successfully

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo