fbpx

Descoberta a Madeira Mais Antiga da Terra Com 400 Milhões de Anos

Dois fósseis de plantas com aproximadamente 400 milhões de anos de idade passaram agora a ser os mais velhos exemplos de madeira de que se tem conhecimento, com 12 centímetros de comprimento, os estudos sugerem que essa madeira não se desenvolveu para ajudar as plantas a crescerem mais altas, mas sim para melhorar o fluxo de água até o seus galhos.

Os fósseis datam do início do período Devoniano, tempo no qual as plantas simples já colonizavam a Terra e começaram a se diversificar. Um dos fósseis foi encontrado na França e data de 407 milhões de anos atrás e o outro foi encontrado no Canadá e tem 397 milhões de anos de idade.

De acordo com o pesquisador Philippe Gerrience da Universidade de Liège na Bélgica, esses fósseis são bem mais antigos do que os considerados mais antigos até essa data que tinham aproximadamente 10 milhões de anos de idade.

As árvores não se desenvolveram até aproximadamente 385 milhões de anos atrás, ponto no qual elas começaram a ficar mais altas com o objetivo de capturar mais luz. A madeira foi crucial nesse processo, pois ela fez com que os troncos ficassem mais fortes e pudessem crescer.

Fonte:

http://www.dailygalaxy.com/my_weblog/2011/08/the-worlds-oldest-wood-400-million-years-found.html

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .