fbpx

Chandra Registra A Formação de Um Mega Aglomerado de Galáxias

Os astrônomos usaram dados do Observatório de Raios-X Chandra da NASA e outros telescópios para mapear de forma detalhada uma rara colisão entre 4 aglomerados de galáxias. Eventualmente, todos os 4 aglomerados, cada um deles com uma massa de no mínimo centenas de trilhões de vezes a massa do Sol, irão se fundir para formar um dos mais massivos objetos do universo.

Aglomerados de galáxias são as maiores estruturas no cosmos que são unidos pela gravidade. Os aglomerados consistem de centenas ou até mesmo de milhares de galáxias, mergulhadas num gás quente, e contém até mesmo uma quantidade ainda maior de matéria escura invisível. Algumas vezes dois aglomerados de galáxias colidem, como no caso do Aglomerado Bullet, e ocasionalmente mais de dois irão colidir ao mesmo tempo.

As novas observações mostram uma mega estrutura sendo construída no sistema chamado de Abell 1758, localizado a aproximadamente 3 bilhões de anos-luz de distância da Terra. Esse sistema possui dois pares de aglomerados de galáxias em colisão que estão migrando um em direção ao outro. Os cientistas reconheceram o sistema Abell 1758, primeiramente como um aglomerado de galáxias quadruplo usando dados do Chandra e do XMM-Newton em 2004.

Cada par no sistema contém dois aglomerados de galáxias que estão no caminho de se fundirem. No par localizado no norte, no topo da imagem, visto na imagem, os centros de cada um dos aglomerados já passaram um pelo outro a cerca de 300 a 400 milhões de anos atrás, e eventualmente eles irão voltar a passar um pelo outro. O par do sul, na parte inferior da imagem, tem dois aglomerados que estão próximos de se aproximar pela primeira vez, um do outro.

Crédito da Imagem: X-ray: NASA/CXC/SAO/G.Schellenberger et al.; Optical:SDSS

Fonte:

https://www.nasa.gov/image-feature/chandra-spots-a-mega-cluster-of-galaxies-in-the-making

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .