fbpx

Câmera HiRISE Registra o Que Sobrou do Verão no Hemisfério Sul de Marte

Essa imagem mostra a margem da calota polar residual sul de Marte, margem essa que toca o terreno ao redor. Essa imagem foi feita durante o fim do verão no hemisfério sul de Marte.

Na direção norte (à esquerda nessa imagem projetada), o que é informalmente referido como o terreno “Queijo Suíço”, pode ser claramente observado. Acredita-se que isso se formou à medida que o dióxido de carbono congelado sublimou-se periodicamente dessa região (a sublimação é a passagem direta de uma substância do seu estado sólido para gasoso à medida que a área onde ela se encontra começa a esquentar).

Onde a poeira e o gelo se encontram, a diferença dramática de cor entre esses dois materiais serve para destacar uma pequena área poligonal de fissuras. Mais ao sul, o gelo de dióxido de carbono está dando lugar ao terreno empoeirado mais comum em Marte, aqui organizado em camadas.

Os cientistas monitoram as mesmas localizações polares dentro do ano de Marte para examinar o seu desenvolvimento, a erosão e as modificações apresentadas pelas feições de gelo. Contudo, muitas áreas também são estudadas ano a ano para determinar qual o papel da variabilidade no decorrer do ano tem na mudança da paisagem em Marte. Abaixo pode-se ver duas imagens anteriores da mesma área aqui mostrada.

Fonte:

http://hirise.lpl.arizona.edu/ESP_023174_0945

Sérgio Sacani

Formado em geofísica pelo IAG da USP, mestre em engenharia do petróleo pela UNICAMP e doutor em geociências pela UNICAMP. Sérgio está à frente do Space Today, o maior canal de notícias sobre astronomia do Brasil.

Veja todos os posts

Arquivo

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .